terça-feira, maio 24, 2016

Cuba: Ernest Hemingway





N0 Hotel Ambos Mundos, onde Hemingway manteve um quarto alugado entre 1932 e 1939. 



Adiciona
Em 1817 ele abre as portas pela primeira vez, na esquina da Obispo e Monserrate "La Piña de Plata" logo após "La Florida" e mais perto dos nossos dias, o "Floridita", como é conhecido no mundo todo, mesmo nos nossos tempos.

Segundo os filhos do escritor, no início da década de 1940, Hemingway e a sua esposa "Mary" (Martha Gellhorn) continuaram a frequentar o Floridita, para onde iam de carro desde a Finca Vigía, a casa onde passaram a viver nos arredores de Havana.[4] Atualmente, o estabelecimento conserva muitas recordações do escritor, como fotografias, um busto (instalado em 1954 no lugar onde Hemingway costumava ficar) e, desde 2003, uma estátua de bronze em tamanho natural representando Hemingway sentado ao balcão numa extremidade do bar, junto à parede, da autoria do escultor cubano José Villa Adicionar legenda




no início da década de 1940, Hemingway e a sua esposa "Mary" (Martha Gellhorn) continuaram a frequentar o Floridita, para onde iam de carro desde a Finca Vigía, a casa onde passaram a viver nos arredores de Havana. Atualmente, o estabelecimento conserva muitas recordações do escritor, como fotografias, um busto (instalado em 1954 no lugar onde Hemingway costumava ficar) e, desde 2003, uma estátua de bronze em tamanho natural representando Hemingway sentado ao balcão numa extremidade do bar, junto à parede, da autoria do escultor cubano José Villa Adicionar legenda








Nenhum comentário: